Ir para o conteúdo

Prefeitura de Macatuba - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Macatuba - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social YouTube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
17
17 SET 2021
Região do Jardim Bocayuva terá poço profundo
Trabalho conjunto entre Prefeitura e Câmara de Vereadores torna realidade uma demanda antiga e urgente no município; investimento total com recursos próprios é de R$ 4,3 milhões
Uma demanda antiga e urgente, enfim, sairá do campo da especulação. A Prefeitura de Macatuba realizou um estudo técnico e enviou à Câmara de Vereadores dois Projetos de Lei (nº 62 e nº 58/2021) para a construção de um poço profundo e de um novo reservatório de água no mesmo espaço onde hoje funciona o reservatório “R3”, no núcleo João Leme do Prado, que irá beneficiar os bairros Jardim Bocayuva, Jardim América, Jardim Sonho Meu, Jardim Esperança, Jardim Planalto, Santa Felicidade, Viver Bem, Jardim Santo Antônio e Vila do Saber.
O Poder Legislativo, entendendo a necessidade eminente desse investimento para melhorias no sistema de abastecimento de água na cidade, aprovou na última segunda-feira (13), por unanimidade, os dois projetos em regime de urgência. As duas construções serão realizadas com recursos próprios municipais: o poço custará aos cofres públicos cerca de R$ 2,9 milhões e o reservatório R$ 1,4 milhão. Ambos os projetos seguem para licitação na Prefeitura de Macatuba para, então, as obras darem início.
“A construção deste poço e do reservatório se mostra uma solução para garantir a segurança no abastecimento da região do Jardim Bocayuva, além de destravar o crescimento urbano, já que a liberação de vários empreendimentos imobiliários está paralisada por causa da limitação do atual sistema. Outro ponto importante deste processo é a união entre Prefeitura e a Câmara. Antes de encaminharmos os projetos de lei, apresentamos aos vereadores todos os detalhes e isso facilitou o entendimento para que as matérias fossem aprovadas. Gostaria de agradecer a todos os parlamentares que compreenderam a urgência destas obras”, lembra o prefeito de Macatuba, Anderson Ferreira.
Segundo o vereador e presidente da Câmara de Macatuba, Júlio Saes, o Poder Legislativo tem recebido várias reclamações da população em relação à falta de água na região do Jardim Bocayuva. “O saneamento de nossa cidade precisa passar por várias melhorias e necessita de investimento. O alinhamento entre a Câmara e a Prefeitura permitiu agilidade na aprovação desses projetos e iniciamos uma etapa de melhorias que trará benefícios a todos: população e Poder Público, com a economia de gastos com o bombeamento da água”, destacou.
 
DEMANDA ANTIGA
A questão do abastecimento de água na região do Jardim Bocayuva tem sido um assunto de preocupação da Administração Pública. Hoje, existe apenas um único meio de abastecer todo este setor da cidade que é através de poços localizados na região central da cidade, onde após o tratamento, a água é bombeada por adutora através de uma estação de recalque até o reservatório R1, que fica próximo ao Lixo Rico.
Além do gasto elevado de energia elétrica que toda essa movimentação gera, sempre há o risco de desabastecimento, seja por problemas na adutora ou em todo conjunto elétrico-mecânico necessário. Além disso, a adutora passa por baixo da Rodovia Osni Mateus (SP-261), o que dificulta ainda mais o conserto em caso de problemas.
O novo poço que será construído não precisará de recalque. O abastecimento será por gravidade, com isso, a Administração Pública prevê uma economia no consumo de energia elétrica, já que atualmente as bombas funcionam 24h para garantir o abastecimento. O sistema atual ficará como um sistema de reserva, possibilitando manobras que garantam o abastecimento contínuo mesmo em manutenções programadas ou em consertos. Além disso, a capacidade de produção de água será aumentada. Isso, somado ao trabalho de redução de perdas, garantirá que a cidade tenha água para sustentar o crescimento.
 
Seta
Versão do Sistema: 3.1.5 - 04/10/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia